Júnior Viégas - Percussionista

Carimbó - Pandeiro

Nível de dificuldade

3 estrelas

Os vídeos serão atualizados na medida do possível.

Vídeos

Músicas

A dança do Carimbó Sinhá Pureza

Partituras

carimbo

Partituras das Variações

carimbo variacao

Histórico

Carimbó é uma dança de roda do litoral do Pará, no Brasil. O nome também se aplica ao tambor utilizado nesse estilo de dança. A dança se espalhou também pela Região nordeste do Brasil. O carimbó é considerado um gênero de dança de origem indígena, porém, como diversas outras manifestações culturais brasileiras, miscigenou-se, recebendo outras influências, principalmente negra.
O carimbó foi declarado patrimônio cultural imaterial do Brasil em setembro de 2014. O registro foi aprovado por unanimidade pelo Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural, órgão oficial vinculado ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.
Sendo a música preferida pelos pescadores da ilha de Marajó, embora não conhecida como carimbó até então, o ritmo atravessou a baía de Guajará com esses pescadores e veio dar em praias do Salgado paraense. Em algumas regiões próximas às cidades de Marapanim e Curuçá, o gênero se solidificou, ganhando o nome que tem hoje. Maranhãozinho, no município de Marapanim; e Ara-quaim, em Curuçá, são dois dos sítios que reivindicam hoje a paternidade do gênero, sendo o primeiro o mais provável deles. Em Marapanim, na região do Salgado, nordeste paraense, o gênero é bastante cultivado, acontecendo anualmente o "Festival de Carimbó de Marapanim — O Canto Mágico da Amazônia", no mês de novembro.
 

Etimologia

"Carimbó" é um termo originário das línguas africanas.
 

Formas de toque

Na forma tradicional, é acompanhada por tambores feitos com troncos de janelas. Aos tambores, se dá o nome de "curimbó". Costumam estar presentes também os maracás.
 

Vestuário

As mulheres dançam descalças e com saias coloridas que vão até os pés muito franzidas e amplas. A saia normalmente possui estampas florais grandes. Blusas de cor branca, pulseiras e colares de sementes grandes. Os cabelos são ornamentados com ramos de rosas ou camélias. Os homens dançam utilizando calças, geralmente brancas e simples, comumente com a bainha enrolada, costume herdado dos ancestrais negros que utilizavam a bainha da calça desta forma devido as atividades exercidas, como exemplo, a coleta de caranguejos nos manguezais.
 

Ritual

A dança é apresentada em pares. Começa com duas fileiras de homens e mulheres com a frente voltada para o centro. Quando a música inicia, os homens vão em direção às mulheres, diante das quais batem palmas como uma espécie de convite para a dança. Imediatamente, os pares se formam, girando continuadamente em torno de si mesmo, ao mesmo tempo formando um grande círculo que gira em sentido contrário ao ponteiro do relógio. Nesta parte, observa-se a influência indígena, quando os dançarinos fazem alguns movimentos com o corpo curvado para frente, sempre puxando-o com um pé na frente, marcando acentuadamente o ritmo vibrante.

Legenda dos Toques

nomenclatura1nomenclatura2nomenclatura3nomenclatura4

Contribuições

Tags: variações, carimbó

porn porn